Pontual MT
Faça sua busca
Quinta-Feira, 02 Dez 2021

‘As pessoas vão acreditar quando as notificações tiverem nomes’, diz secretário de saúde sobre coronavírus em MT

Figueiredo afirmou que as medidas de prevenção, são essenciais para o combate do Covid-19 no estado.

24 Abr 2020 às 11:24
G1/MT
Foto: Mayke Toscano / Secom-MT
O secretário de Saúde de Mato Grosso, Gilberto Figueiredo, disse, durante coletiva nesta sexta-feira (24), que não há como prever quando será o pico do contágio do coronavírus (Covid-19) no estado.

No entanto, Figueiredo afirmou que as medidas de prevenção – como isolamento, uso de máscara e distanciamento social, são essenciais para o combate do Covid-19 no estado.

Ele voltou a criticar as pessoas que não acreditam na gravidade da doença e não levam a sério as medidas de prevenção.

‘As pessoas vão acreditar quando as notificações tiverem nomes. Aí é que vão ver que não estamos brincando, que tem que se tomar cuidado’, criticou o secretário.

Nessa semana o governo de Mato Grosso decretou novas medidas de prevenção à transmissão do coronavírus.

Entre as novas medidas, o governo autorizou a volta das aulas presenciais em escolas e universidades a partir do dia 4 de maio, o funcionamento dos parques públicos e as atividades religiosas, que devem respeitar algumas restrições.

“Preferia que a população ficasse em casa por um ano, mas isso não é possível. Tem cidadão passando por dificuldades e os efeitos colaterais da pandemia avançam em áreas que não são mais só da saúde”, declarou o secretário.

Gilberto voltou a defender que, quem tem condições, permaneça a quarentena em casa.

“A flexibilização é para quem pode e para quem segue as medidas de segurança como máscara e distanciamento de outras pessoas”, finalizou.

Casos em Mato Grosso

Mato Grosso tem 221 casos confirmados da Covid-19, conforme dados da Secretaria Estadual de Saúde (SES-MT), divulgados nesta quinta-feira (23). São 16 casos a mais do que o número registrado nessa quarta-feira (22), quando o estado registrou 205 casos.

O estado também já registrou oito mortes pela doença.

as mais lidas
tempo Alta Floresta
°
facebook
notícias

Geral

Número de mulheres mortas aumenta quase 70% em MT no 1º...

Neste ano, 32 mulheres foram vítimas de feminicídio

Geral

Incêndios na Amazônia aumentam em julho

O desmatamento subiu 25% no primeiro semestre

Brasil

Brasil passa de 70 mil mortes por coronavírus

O numero de casos supera 1,8 milhão

Geral

IFMT inaugura laboratório para testes de Covid-19 em Alta...

Hoje as cidades da microrregião só fazem os chamados “testes rápidos”

Geral

Prova de vida de aposentados e pensionistas é suspensa até...

Adiamento foi decidido para evitar contaminações por covid-19

veja mais